Sofá retrô: como usar e 60 ideias de ambientes decorados

Por -

Pés palitos, cores marcantes e um ar nostálgico que invade todo o ambiente. Você já deve imaginar do quê estamos falando, não é mesmo? Sim, dele, o queridinho do momento, o sofá retrô!

Cheio de charme, o sofá retrô é a aposta certa para quem deseja viver (ou reviver) a nostalgia glamorosa de décadas passadas. Vindo diretamente dos anos 50, 60 e 70, esse tipo de estofado pode agregar muito mais a sua decoração do que você pode imaginar.

E não é só na estética que o sofá retrô se destaca. Hoje em dia, com os diferentes modelos a venda, é perfeitamente possível combinar beleza com conforto e funcionalidade. Ou seja, você leva para casa um móvel com cara de antiguinho, mas com o que há de melhor em tecnologia e modernidade.

Quer saber mais como usar o sofá retrô na decor? Então vem acompanhar esse post com a gente, trouxemos uma série de dicas que vão te conduzir sem erros a essa proposta nostálgica de decoração:

O que é retrô?

Antes de saber como escolher o sofá retrô ideal, vamos compreender melhor o significado do termo retrô para que assim você saiba diferenciar e distinguir as diferentes opções existentes no mercado.

A palavra retrô vem do latim “retro” e significa “para trás”, ou seja, toda vez que uma peça estiver com a etiquetinha “retrô” você já sabe que ela faz referência a um estilo que já foi usado no passado. Contudo, não confunda retrô com vintage. Apesar da semelhança e do conceito parecido, são termos diferentes.

Os móveis retrôs são produzidos com tecnologia atual e preservam apenas a estética do passado, já no vintage o que você vê é o que você tem, trocando em miúdos, isso quer dizer que o móvel que está a sua frente foi produzido na época em que faz referência. Ele é um sobrevivente dos anos e pode ser restaurado, reformado ou usado do jeitinho que está com todas as marcas que o tempo lhe causou. Um bom exemplo de móvel vintage são aqueles existentes na casa da sua avó.

Como reconhecer um sofá retrô

Um sofá retrô conserva as características da época em que foi inspirado e isso implica no uso de cores, estampas e formatos utilizados até então. Contudo, alguns modelos trazem apenas uma leve menção a estética retrô, mesclando elementos do passado com traços modernos.

Uma boa forma de reconhecer um sofá retrô é observando os pés. Geralmente esse tipo de estofado traz pés de madeira mais altos e no formato conhecido como palito. O encosto e os braços desse tipo de sofá costuma ser mais baixos e os principais tecidos utilizados são o suede, o corino e o algodão.

As formas arredondadas, curvas e sinuosas também são comuns nesse tipo de estofado.

A cor do sofá retrô é o que mais varia e o mercado está cheio de opções. Para quem deseja manter a atmosfera dos anos dourados, vale apostar em estampas e cores fortes.

Mas quem prefere algo mais sóbrio e discreto pode manter apenas a forma retrô e optar por um sofá de tons claros e amenos, como o branco, o Off White e o cinza. Essa também é uma boa pedida para quem deseja mesclar o retrô com o moderno.

Como usar o sofá retrô na decoração

Não se engane achando que sofá retrô só combina com decorações de estilo retrô. Isso é um mito. O sofá retrô pode, é claro, integrar uma proposta nostálgica de decoração, mas não se limita a esse conceito.

As decorações modernas e contemporâneas dialogam muito bem com esse tipo de sofá, sendo que nesses casos ele ajuda a trazer um contraponto super interessante a decor.

Nas propostas mais clássicas, o sofá retrô também pode marcar presença, especialmente quando ele vem em tons neutros e suaves.

Para inserir o sofá retrô na sala você ainda pode contar com diferentes opções, como o sofá retrô de 2 lugares (para ambientes menores), o sofá retrô de 3 lugares (para quem tem mais espaço) e o sofá cama retrô (perfeito para quem está sempre recebendo visitas).

Agora se você prioriza conforto, a melhor opção é o sofá retrô retrátil e com opção de encosto reclinável. Outro modelo que tem muito potencial de sucesso na decoração é o sofá retrô namoradeira. Esse tipo especifico de sofá se ajusta muito bem em salas pequenas ou em varandas e halls de entrada.

60 ideias de ambientes decorados com sofá retrô

Confira a seguir 60 projetos de ambientes decorados com sofá retrô que vão te encher de inspiração:

Imagem 1 – Para deixar qualquer um boquiaberto, esse sofá vermelho retrô foi combinado a decor rústica da sala criando um verdadeiro oásis visual para os fãs do estilo boho.

Para deixar qualquer um boquiaberto, esse sofá vermelho retrô foi combinado a decor rústica da sala criando um verdadeiro oásis visual para os fãs do estilo boho

Imagem 2 – Sofá retrô em tom de laranja queimado para combinar com os demais elementos terrosos da sala.

Sofá retrô em tom de laranja queimado para combinar com os demais elementos terrosos da sala

Imagem 3 – Já um sofá retrô de veludo fica perfeito em decorações contemporâneas e cheias de personalidade.

Já um sofá retrô de veludo fica perfeito em decorações contemporâneas e cheias de personalidade

Imagem 4 – Aqui, o sofá retrô com estrutura de madeira acompanha o restante da decoração da sala.

Aqui, o sofá retrô com estrutura de madeira acompanha o restante da decoração da sala

Imagem 5 – Pra lá de conceitual, essa sala de estar apostou em um sofá retrô de 3 lugares para ser o centro das atenções.

Pra lá de conceitual, essa sala de estar apostou em um sofá retrô de 3 lugares para ser o centro das atenções

Imagem 6 – Já para uma decor mais neutra e discreta, o sofá retrô de veludo verde é a opção certeira.

Já para uma decor mais neutra e discreta, o sofá retrô de veludo verde é a opção certeira

Imagem 7 – Um pouco de design contemporâneo combinado aos traços característicos do mobiliário retrô.

Um pouco de design contemporâneo combinado aos traços característicos do mobiliário retrô

Imagem 8 – Sala de estar contemporânea e elegante decorada com um sofá retrô verde de linhas retas.

Sala de estar contemporânea e elegante decorada com um sofá retrô verde de linhas retas

Imagem 9 – Um toque de glamour na sala com esse sofá a lá Luiz XV.

Um toque de glamour na sala com esse sofá a lá Luiz XV

Imagem 10 – O couro está entre os tecidos mais usados em sofás retrôs.

O couro está entre os tecidos mais usados em sofás retrôs

Imagem 11 – Aqui, o sofá retrô de couro se destaca novamente e se completa com a parede repleta de pinturas.

Aqui, o sofá retrô de couro se destaca novamente e se completa com a parede repleta de pinturas

Imagem 12 – Essa sala clean, toda branca, apostou sem medo de ser feliz em um belíssimo sofá retrô de veludo azul.

Essa sala clean, toda branca, apostou sem medo de ser feliz em um belíssimo sofá retrô de veludo azul

Imagem 13 – Almofadas garantem o toque final a esse sofá retrô feito com futons.

Almofadas garantem o toque final a esse sofá retrô feito com futons

Imagem 14 – Nessa sala de estética perfeita, o sofá retrô completa a proposta simétrica.

Nessa sala de estética perfeita, o sofá retrô completa a proposta simétrica

Imagem 15 – O clássico e o moderno passeiam por essa sala adornada pelo sofá retrô em estilo namoradeira.

O clássico e o moderno passeiam por essa sala adornada pelo sofá retrô em estilo namoradeira

Imagem 16 – O conjuntinho perfeito: sofá e cadeiras retrô.

O conjuntinho perfeito: sofá e cadeiras retrô

Imagem 17 – Cheio de elegância, o sofá Chesterfield de veludo é uma ótima opção para quem busca um estofado retrô.

Cheio de elegância, o sofá Chesterfield de veludo é uma ótima opção para quem busca um estofado retrô

Imagem 18 – Os quadros na parede acentuam a atmosfera retrô trazida pelo sofá.

Os quadros na parede acentuam a atmosfera retrô trazida pelo sofá

Imagem 19 – Essa sala é um ótimo exemplo de como é possível combinar estilos tendo o sofá retrô como ponto de partida.

Essa sala é um ótimo exemplo de como é possível combinar estilos tendo o sofá retrô como ponto de partida

Imagem 20 – Aqui, o tapete de estampa geométrica vermelha faz um lindo contraste com o sofá retrô azul.

Aqui, o tapete de estampa geométrica vermelha faz um lindo contraste com o sofá retrô azul

Imagem 21 – Os pés palitos são marca registrada dos sofás de estilo retrô.

Os pés palitos são marca registrada dos sofás de estilo retrô

Imagem 22 – Nessa sala clean e iluminada, o sofá retrô branco parece flutuar sobre o tapete de pelúcia.

Nessa sala clean e iluminada, o sofá retrô branco parece flutuar sobre o tapete de pelúcia

Imagem 23 – Sofá Chesterfield azul de 3 lugares: o charme inglês para a decor retrô.

Sofá Chesterfield azul de 3 lugares: o charme inglês para a decor retrô

Imagem 24 – Elementos pontuais valorizam a estética retrô do sofá, como é o caso do quadro com moldura clássica.

Elementos pontuais valorizam a estética retrô do sofá, como é o caso do quadro com moldura clássica

Imagem 25 – Sofá retrô rosa para quem pretende ousar na decoração.

Sofá retrô rosa para quem pretende ousar na decoração

Imagem 26 – Um pouco de estampa no sofá retrô para sair do comum e romantizar a decor.

Um pouco de estampa no sofá retrô para sair do comum e romantizar a decor

Imagem 27 – A sala rústica e contemporânea apostou na ideia de um sofá retrô marrom.

A sala rústica e contemporânea apostou na ideia de um sofá retrô marrom

Imagem 28 – As cores complementares invadiram essa sala de estar, passando pelo sofá retrô vermelho, a parede azul e o tapete amarelo.

As cores complementares invadiram essa sala de estar, passando pelo sofá retrô vermelho, a parede azul e o tapete amarelo

Imagem 29 – Os clássicos e discretos vão adorar a ideia de um sofá retrô de couro marrom.

Os clássicos e discretos vão adorar a ideia de um sofá retrô de couro marrom

Imagem 30 – Sofá retrô azul turquesa para abalar os corações!

Sofá retrô azul turquesa para abalar os corações!

Imagem 31 – Aqui, os pés palitos do sofá conversam diretamente com os pés da mesa de centro.

Aqui, os pés palitos do sofá conversam diretamente com os pés da mesa de centro

Imagem 32 – A parede preta garantiu todo o destaque para o sofá retrô vermelho de veludo.

A parede preta garantiu todo o destaque para o sofá retrô vermelho de veludo

Imagem 33 – Cinza, sóbrio e moderno.

Imagem 34 – Braços e encosto baixo: outra característica comum dos sofás retrôs.

Braços e encosto baixo: outra característica comum dos sofás retrôs

Imagem 35 – Os que buscam uma decoração jovial e despojada vão se encantar com esse sofá retrô arredondado.

Os que buscam uma decoração jovial e despojada vão se encantar com esse sofá retrô arredondado

Imagem 36 – Sofá retrô de 3 lugares com chaise: conforto, beleza e funcionalidade.

Sofá retrô de 3 lugares com chaise: conforto, beleza e funcionalidade

Imagem 37 – O bom humor também é marca dos sofás retrôs.

O bom humor também é marca dos sofás retrôs

Imagem 38 – Aposte em mantas e almofadas de cores contrastantes para decorar o seu sofá retrô.

Aposte em mantas e almofadas de cores contrastantes para decorar o seu sofá retrô

Imagem 39 – O modelo perfeito de sofá retrô para decorações clássicas e elegantes.

O modelo perfeito de sofá retrô para decorações clássicas e elegantes

Imagem 40 – Aqui, o sofá retrô é um entre tantos outros elementos do mesmo estilo.

Imagem 41 – Sofá retrô colorido, mas com moderação.

Sofá retrô colorido, mas com moderação

Imagem 42 – Essa sala cheia de personalidade apostou em uma namoradeira retrô rosa estampada para contracenar com o puff amarelo de capitonê.

Essa sala cheia de personalidade apostou em uma namoradeira retrô rosa estampada para contracenar com o puff amarelo de capitonê

Imagem 43 – Na dúvida, um sofá retrô azul é sempre bem vindo.

Na dúvida, um sofá retrô azul é sempre bem vindo

Imagem 44 – Que luxo esse sofá retrô mostarda trazendo luz e vida para a sala de tons claros e neutros.

Que luxo esse sofá retrô mostarda trazendo luz e vida para a sala de tons claros e neutros

Imagem 45 – Aqui, o sofá retrô cinza passa discreto pela decoração.

Aqui, o sofá retrô cinza passa discreto pela decoração

Imagem 46 – Crie uma decor boho para sua sala investindo em um sofá retrô de couro caramelo.

Crie uma decor boho para sua sala investindo em um sofá retrô de couro caramelo

Imagem 47 – O sofá retrô também permite intervenções coloridas e lúdicas.

O sofá retrô também permite intervenções coloridas e lúdicas

Imagem 48 – Linda composição entre o sofá retrô e o tapete de listras preto e branco.

Linda composição entre o sofá retrô e o tapete de listras preto e branco

Imagem 49 – Uma sala de estar digna da realeza.

Uma sala de estar digna da realeza

Imagem 50 – Para acompanhar os tons sóbrios da decor foi escolhido um sofá retrô verde.

Para acompanhar os tons sóbrios da decor foi escolhido um sofá retrô verde

Imagem 51 – Aqui, o sofá retrô integra o canto alemão da sala de jantar.

Aqui, o sofá retrô integra o canto alemão da sala de jantar

Imagem 52 – Em uma sala cheia de referências vintage, o sofá retrô se torna uma peça obrigatória.

Em uma sala cheia de referências vintage, o sofá retrô se torna uma peça obrigatória

Imagem 53 – Mais uma linda inspiração de como usar o sofá retrô na sala de jantar.

Mais uma linda inspiração de como usar o sofá retrô na sala de jantar

Imagem 54 – Essa sala de elementos clássicos e rústicos se destaca com a presença do sofá retrô vermelho de veludo.

Essa sala de elementos clássicos e rústicos se destaca com a presença do sofá retrô vermelho de veludo

Imagem 55 – Sofá retrô para uma sala com a cara dos anos 50.

Sofá retrô para uma sala com a cara dos anos 50

Imagem 56 – Namoradeira retrô pronta para receber os convidados.

Namoradeira retrô pronta para receber os convidados

Imagem 57 – Belíssimo contra ponto entre o sofá retrô pink e a parede de tijolinhos.

Belíssimo contra ponto entre o sofá retrô pink e a parede de tijolinhos

Imagem 58 – Mix entre o retrô e o moderno nesse sofá azul com detalhes dourados.

Mix entre o retrô e o moderno nesse sofá azul com detalhes dourados

Imagem 59 – As formas arredondadas também costumam marcar presença nos sofás de estilo retrô.

As formas arredondadas também costumam marcar presença nos sofás de estilo retrô

Imagem 60 – Sofá retrô cinza para a sala de influência escandinava.

Sofá retrô cinza para a sala de influência escandinava