Telhado colonial: o que é, vantagens e ideias de projetos

Conheça mais informações sobre este tipo de telhado mais popular na construção

Por -

A arquitetura vai muito além da estética e do volume construído, é essencial analisar as técnicas e os materiais construtivos para um resultado funcional e harmônico com a proposta do projeto.

A construção de uma casa, por exemplo, exige a compatibilização das instalações técnicas com o estudo da fachada e outros elementos da arquitetura residencial. E no post de hoje, falaremos sobre o telhado colonial, um dos tipos mais utilizados na construção de residências no Brasil.

O que é telhado colonial?

É o tipo de cobertura mais simples e popular na construção. Sua principal característica é sua telha aparente, que deixa toda a cobertura exposta com suas formas definidas com meia água, duas águas, três águas e assim por diante.

Apesar de ficar aparente, ele permite ir do estilo rústico ao moderno dependendo da composição.

Como funciona o telhado colonial?

Exemplo de construção com telhado colonial

As telhas ficam apoiadas sobre os caibros de madeira, componentes da estrutura do telhado.

A inclinação, que pode ser igual ou diferente em cada água, são unidas pela cumeeira, espigão e o rincão.

Partes do telhado colonial

  1. Cumeeira: a parte mais alta do telhado;
  2. Espigão: é o encontro das telhas de lados diferentes do telhado;
  3. Rincão: é o encontro das águas da parte mais baixa do telhado, onde a chuva escorre com mais força.

Vantagens do telhado colonial

  • Material sustentável;
  • Alta durabilidade;
  • Pouca manutenção.

Tipos de telhas para o telhado colonial

A escolha da telha está diretamente ligada à inclinação que o telhado vai ter, pois, dessa forma, tanto sua fixação quanto a estrutura que irá suportar todo o seu peso devem ser diferenciadas.

1. Cerâmica

Telhado colonial de cerâmica

É a mais utilizada para essa proposta, devido seu custo-benefício. Também conhecida como telhas de barro, possuem uma aparência curvada que permite resultados visualmente bonitos. Opte pelas que vem com revestimento sintético de fábrica, com maior proteção e durabilidade.

Com diversos modelos no mercado, é possível escolher a telha colonial que mais agrada seu gosto e estilo de fachada.

2. PVC

Tem as mesmas vantagens da telha de cerâmica, só que são feitas de uma maneira sintética. A única diferença é seu custo inferior, que por ser um material leve não exige uma estrutura de madeira tão elaborada para aguentar o seu peso.

Tome cuidado com a ação do vento, devido a essa fragilidade, os cálculos do telhado devem ser precisos para que não haja futuros acidentes.

Para ficar por dentro de como o telhado colonial funciona na prática, separamos 60 projetos incríveis que utilizam este elemento tradicional de diversas formas:

Imagem 1 – Discreto mas sempre presente.

Telhado colonial discreto mas sempre presente

Imagem 2 – Estrutura reforçada para um telhado bem marcante.

Estrutura reforçada para um telhado bem marcante

Imagem 3 – Diversas inclinações em um mesmo projeto.

Diversas inclinações em um mesmo projeto

Imagem 4 – Esse tipo de telhado deixa a casa ainda mais rústica.

O telhado colonial deixa a casa ainda mais rústica

Imagem 5 – Casa com telhado colonial duas águas.

Casa com telhado colonial duas águas

Imagem 6 – Seu acabamento ondulado é uma marca registrada neste tipo de telha.

Acabamento ondulado: marca registrada deste tipo de telha

Imagem 7 – Mescle estilos: fachada clássica com telhado colonial.

Estilos mesclados: fachada de casa clássica com telhado colonial

Imagem 8 – Apenas o sótão recebe o telhado colonial, destacando-o ainda mais.

Apenas o sótão recebe o telhado colonial

Imagem 9 – Abuse do revestimento de pedra se a proposta é ir para o lado mais rústico.

Telhado colonial e revestimento de pedra

Imagem 10 – Telhado colonial meia água.

Telhado colonial meia água

Imagem 11 – Combine a cor da telha com o restante da fachada.

Combine a cor da telha com o restante da fachada

Imagem 12 – As quedas distintas das águas levam bastante estilo para o visual.

Telhado com quedas distintas

Imagem 13 – Cada metade para cada lado!

Imagem 14 – Misture o telhado colonial com outros modelos, como o pergolado, por exemplo.

Misture o telhado colonial com outros modelos

Imagem 15 – A inclinação do telhado destaca ainda mais as telhas alaranjadas.

A inclinação do telhado destaca ainda mais as telhas alaranjadas

Imagem 16 – Casa na praia com telhado colonial.

Casa na praia com telhado colonial

Imagem 17 – Combine a cor natural da telha com a madeira.

Combine a cor natural da telha com a madeira

Imagem 18 – Leve o estilo para o restante da fachada também.

Leve o estilo para o restante da fachada

Imagem 19 – Divida em duas coberturas: principal e o beiral.

Cobertura principal e beiral

Imagem 20 – Uma fachada cheia de estilo!

Fachada cheia de estilo
O telhado duas águas ganha um visual ousado com o rasgo sobrepondo um telhado ao outro. Esse recorte proporciona a entrada de luz natural em toda a sua extensão, deixando o interior muito mais agradável!

Imagem 21 – Garagem com telhado colonial.

Garagem com telhado colonial

Imagem 22 – Tradição no material e estilo na fachada!

Tradição no material e estilo na fachada

Imagem 23 – Traços contemporâneos com materiais clássicos da arquitetura.

Traços contemporâneos com materiais clássicos da arquitetura

Imagem 24 – Quando mais inclinado, maior o estilo colonial empregado.

Quando mais inclinado, maior o estilo colonial empregado

Imagem 25 – Uniformidade nas cores!

Uniformidade nas cores

Imagem 26 – Varanda com telhado colonial.

Varanda com telhado colonial

Imagem 27 – Tom sobre tom para uma fachada moderna.

Tom sobre tom para uma fachada moderna

Imagem 28 – O tom das telhas confere modernidade para todo o conjunto visual.

Modernidade para o conjunto visual

Imagem 29 – Combine as telhas coloniais com o ar despojado internamente.

Telhas coloniais na edícula

Imagem 30 – O modelo sobreposto proporciona uma fachada diferente.

Fachada diferente com modelo sobreposto

Imagem 31 – Em casas pequenas, o telhado colonial deixa a entrada ainda mais aconchegante.

Telhado colonial aconchegante
Para uma casa pequena faça uma entrada exclusiva com o desenho da cobertura. No projeto acima, os telhados possuem alturas diferentes mas com o mesmo tom de telha para manter o equilíbrio visual.

Imagem 32 – Telhado colonial cinza.

Telhado colonial cinza

Imagem 33 – Para não errar na escolha, opte por uma fachada em tons terrosos.

Fachadas em tons terrosos

Imagem 34 – Um único pavimento mas com diversas águas.

Único pavimento com diversas águas
É possível trabalhar o estilo colonial sem deixar o moderno de lado. Neste caso, foi trabalhado opções diferentes de telhado, um para cada setor da casa.

Imagem 35 – Sobrado com telhado colonial.

Sobrado com telhado colonial

Imagem 36 – Telhado colonial em L.

Telhado colonial em L

Imagem 37 – Telhado colonial com telhas escuras.

Telhado colonial com telhas escuras

Imagem 38 – Telhado colonial com recortes.

Telhado colonial com recortes

Imagem 39 – Telhado colonial quatro águas.

Telhado colonial quatro águas

Imagem 40 – O anexo é bem planejado com a composição do pergolado e telhado colonial.

Edícula com pergolado e telhado colonial

Imagem 41 – É um modelo versátil na construção, pois combina com qualquer estilo de casa.

Telhado colonial pode combinar com qualquer estilo de construção

Imagem 42 – Telhado colonial com telhas marrom.

Telhado colonial com telhas na cor marrom

Imagem 43 – Casa térrea com telhado colonial.

Casa térrea com telhado colonial
O ar contemporâneo se deve a cor clara das telhas e também na sobreposição, que é mínima, porém faz toda a diferença no visual. Ideal para quem deseja inovar e dar personalidade para a residência.

Imagem 44 – A estrutura aparente reforça ainda mais o estilo colonial.

Casa de campo com telhado colonial
As telhas rústicas e a estrutura de madeira visível deixam o visual ainda mais interessante. Una a arquitetura e a estrutura para formar uma bela fachada!

Imagem 45 – O puxadinho da casa se torna até mais convidativo.

Edícula com telhado colonial
Para deixar a área externa mais funcional, a varanda ganhou um espaço social com um lindo telhado colonial que deixa à mostra a estrutura de madeira.

Imagem 46 – Telhado colonial modelo cabana.

Telhado colonial modelo cabana

Imagem 47 – Telhado colonial com telhas em cores mescladas.

Telhas em cores mescladas no telhado colonial

Imagem 48 – Detalhe para o beiral com a calha.

Destaque para o beiral com calha

Imagem 49 – Casa simples com telhado colonial.

Telhado colonial em casa simples / popular
Para dar mais estilo a casa, faça o contraste das cores das paredes com as telhas artesanais marrom. Vá para o lado dos intensos e vibrantes para ter um verdadeiro realce no visual!

Imagem 50 – A estrutura aparente é uma forma de integrar a arquitetura com a construção.

A estrutura aparente é uma forma de integrar a arquitetura com a construção

Imagem 51 – Casa moderna com telhado colonial.

Casa moderna com telhado colonial

Imagem 52 – Composição de coberturas em uma mesma construção.

Composição de coberturas em uma mesma construção

Imagem 53 – Casa com um mix de estilos arquitetônicos.

mix de estilos arquitetônicos na residência
A parte superior possui um telhado quatro águas, o térreo um pergolado de metal e vidro, o restante materiais nobres que integram muito bem esses dois tipos de coberturas.

Imagem 54 – Telhado colonial branco.

Telhado colonial branco

Imagem 55 – Neste caso, opte por cores suaves em sua fachada também.

Cores suaves na fachada de residência com telhado colonial

Imagem 56 – Um telhado marcante para uma casa simples.

Telhado marcante para uma casa simples

Imagem 57 – O telhado leva volume para fachada.

O telhado traz volume a fachada da casa

Imagem 58 – Telhado colonial e platibanda juntos.

Telhado colonial e platibanda

Imagem 59 – É a opção perfeita para uma casa no campo.

Opção perfeita para uma casa no campo
Para o visual tradicional opte pelas telhas em tons escuros. Já para uma casa de campo, deixe a estrutra e o emadeiramento à vista na varanda, deixando o imóvel ainda mais charmoso.

Imagem 60 – Churrasqueira com telhado colonial.

Churrasqueira com telhado colonial

Os menores espaços também pode ganhar este tipo de telhado. Para esta churrasqueira, o modelo quatro águas é a melhor opção para proteger a área com mesas e bancada. Fica bacana, combinar o tom da telha com o revestimento da churrasqueira, geralmente, em telhado aparente.

Como fazer o telhado colonial

Telhado colonial

Com o projeto definido em mãos, fica mais fácil coletar a quantidade de telhas necessárias para a construção do telhado. Porém, para uma conta inicial, calcule 25 unidades por m². Lembrando que quanto maior a inclinação, maior a quantidade de vigas de madeira para reforçar a estrutura.

1. Preparação da estrutura

A viga deve respeitar a inclinação desejada no momento da posição, que ocorre de cima para baixo. Essa etapa deve ser bem feita para que a água escorra facilmente até as calhas.

  • Espaçamento entre caibros: 50 cm;
  • Espaçamento entre ripas: 40 cm;

2. Instalação das telhas

Verifique se as telhas possuem uma impermeabilização extra para que não ocorra futuras infiltrações na casa. Se estiverem corretas, posicione uma de cada vez, de cima para baixo, encaixando uma sobre as outras.

3. Finalização do telhado colonial

Para deixar o telhado funcional, providencie uma calha ou beiral para evitar o excesso de água em sua cobertura.

Preço do telhado colonial

O preço final depende de três itens: mão de obra do profissional, qualidade e quantidade do material. A escolha da telha, por exemplo, pode dobrar o valor comparado a um modelo mais simples.

A solução é buscar o profissional da área, arquitetos ou engenheiros, para ter melhor precisão. Cada caso é diferente, e o telhado tem sua importância na obra.