Como plantar milho: conheça 6 diferentes formas para você cultivar

Por - Atualizado em:

Sendo um dos maiores destaques na agricultura brasileira, o milho pode ser cultivado em todo nosso país. Além disso, tem a vantagem de adaptar-se facilmente em diferentes estações, de verão ao inverno.

Ainda que o milho possua uma cultura tão difundida, normalmente, existem dúvidas sobre como plantá-lo. Afinal, essas questões são importantes para conseguir ter uma boa produtividade.

Você está querendo saber mais sobre as diferentes maneiras de como plantar o milho? Além de tirar algumas outras dúvidas sobre preparo da terra, entre outros pontos, continue lendo esse artigo para saber mais.

Como plantar milho de pipoca

O procedimento de plantar milho de pipoca não é exatamente o mesmo do milho normal: há requisitos ligeiramente diferenciados tanto da plantação como do crescimento. Mas não há grandes dificuldades, afinal com um pouco de conhecimento, é possível plantar, cultivar e colher seu desejado milho.

Para saber mais sobre o passo a passo, basta seguir nossas dicas abaixo:

  1. Escolha a semente correta: você deve comprar algumas sementes férteis que são vendidas por agricultores ou empresas especializadas. Faça um teste antes usando por volta de 20 sementes para ver se em uma semana o milho germinará. Caso não ocorra, você repetir o processo até que dê certo;
  2. Decida pelo melhor local para o plantio: tenha certeza que o espaço escolhido, recebe muita luz solar e que o solo escorra facilmente;
  3. Aguarde a época correta para o plantio: a cultura do milho de pipoca não pode ficar sem água, isso pode influenciar na qualidade dos grãos;
  4. Faça o plantio na profundidade certa: a profundidade de semeadura está ligada aos fatores como temperatura, tipo do solo e umidade. A semente do milho deve sempre ser inserida em uma profundidade que possibilite um bom contato com a umidade do solo;
  5. Respeite a densidade máxima na plantação: esse passo tem um papel importante no rendimento da lavoura;;
  6. Acompanhe de perto o crescimento do milho;
  7. Somente faça a colheita com o milho maduro.

Caso você queira, há um tutorial retirado do youtube para melhor entendimento em:

Como preparar a terra para plantar milho

O solo é um recurso fundamental em qualquer prática agrícola. Seu papel é tão importante, que ele exerce influência direta sobre a produtividade das culturas em geral. Por isso, antes de dar início à plantação de milho, você precisa seguir alguns passos:

  • Providencie a amostragem e o preparo do solo: aqui você encontra elementos que são essenciais à constituição das plantas e com a fertilidade equilibrada, resultará no desenvolvimento adequado das sementes de milho;
  • Adube corretamente o solo: com o resultado da amostragem, você saberá exatamente como deverá investir para que consiga alcançar a produtividade que deseja;
  • Analise a posição topográfica;
  • Sabia mais do histórico da área: pesquisar sobre culturas anteriores, adubação, se houve uso de fertilizantes ou corretivos;
  • Para correção do solo, três meses antes do plantio, aplique calcário: é quase que mandatório para o cultivo de milho;
  • Elimine o alumínio trocável e eleve os teores de cálcio e magnésio.

Como plantar milho e feijão

Muita gente desconhece, mas o milho e o feijão podem ser plantados juntos. Fazendo a chamada consorciação, você tem vários benefícios tais como:

  • Facilidade no cultivo: o feijão substitui as plantas daninhas que podem ocorrer dentro da linha do milho e que não são retiradas com o cultivo mecânico;
  • Aproveitamento superior de fertilizantes: já que as duas culturas são colocadas na mesma linha, ambas conseguem aproveitar melhor o fertilizante. Além disso, contribui para um melhor aproveitamento dos nutrientes;
  • Economia de tempo e mão-de-obra.

Para plantar, sigas os passos abaixo:

  1. O espaçamento do milho deve ser de um metro, mas deve-se usar uma densidade menor de milho, de três a quatro plantas por metro. Além de perfazer uma população de 30 a 40 mil plantas por hectare;
  2. Para semeadura, deve-se utilizar um disco de milho que permita a queda de quatro a cinco sementes por metro;
  3. Já o feijão, o número de sementes usadas por metro linear deve ser de 12 a 16 e considerar uma densidade final de 10 a 12 plantas por metro;
  4. A adubação deve ser feita da mesma forma com o monocultivo de milho, com nitrogenada na cobertura. Porém, ao invés de realizar com 45 dias do milho, antecipe em 10 dias, para não coincidir com o período de florescimento do feijão;
  5. Dessa forma, você terá sucesso no plantio do milho e do feijão.


Como plantar milho em vaso

É possível cultivar em vasos, mas o rendimento é bem menor em comparação ao plantio em um campo ou um jardim.  Além disso, é importante saber que você precisa de um grande vaso ou um recipiente que tenha, pelo menos, 30 centímetros de profundidade e largura.

Vamos ao passo ao passo?

  1. Você deve optar por uma variedade anã de milho, que não exceda 1,50 metros de altura;
  2. Plante de quatro a seis sementes por vaso. A profundidade deve ser de 2,5 centímetros;
  3. Cubra-as com uma fina camada de solo;
  4. Use um solo de envasamento que seja baseado em turfa, para ter um resultado melhor;
  5. Tenha atenção com o número de orifícios de drenagem (precisa ter uma boa quantidade);
  6. Deixe o recipiente em um local ensolarado, sempre molhando;
  7. Coloque palha ao redor do milho para manter a umidade (você pode usar também aparas de madeira, grama ou, ainda, jornal).

Para ilustrar melhor, veja esse link com um tutorial retirado do youtube:

Como plantar milho irrigado

O milho é uma planta que necessita muito de água, infelizmente, em épocas de estiagem ou em alguns lugares do Brasil, é difícil conseguir sempre ter sucesso na colheita. Em função disso, apresentaremos algumas técnicas para conseguir a umidade que o solo tanto necessita de forma mecânica.

O plantio, basicamente, é o mesmo do milho convencional, mas as técnicas de irrigação podem variar conforme a sua escolha e perfil:

  • Irrigação por superfície: é feita nos sulcos localizados entre as fileiras de plantas. Pode variar entre um sulco a uma ou a duas fileiras;
  • Irrigação por aspersão: nesse método, jatos d’ água são lançados ao ar, caindo sobre a cultura na forma de chuva. É vantajoso para ser usado em pequenas áreas;
  • Irrigação localizada: a água é apenas aplicada em uma fração do sistema radicular das plantas. São usados gotejadores, tubo poroso ou microaspersores.

Os custos podem variar de lugar, por isso, é importante você analisar o custo-benefício de cada um dos métodos.


Como plantar milho com adubo

Para você conseguir aumentar sua produtividade, a melhor estratégia é o uso de fertilizantes. Em função disso, apresentaremos cinco dicas para ter sucesso no plantio do milho:

  1. Faça um planejamento inicial: é importante entender que o preparo da adubação dá início muito antes da semeadura. Por isso, tenha em mãos o histórico das análises do solo. O resultado será custos mínimos e aumento de rentabilidade na colheita;
  2. Faça o cálculo da adubação para plantio do milho: depois de analisar o histórico, é necessário verificar se qual tipo de adubação será feita a de manutenção ou a de correção;
  3. Faça a adubação: esse passo é fundamental para o sucesso do estabelecimento do estande inicial;
  4. Faça a adubação de micronutrientes: ainda que seja uma quantidade pequena, a ausência pode resultar em uma baixa produtividade;
  5. Calcule os custos: para se ter uma idéia, 25% dos custos com o plantio são referentes aos fertilizantes. Com auxílio de uma planilha, você pode ter uma noção maior dos seus investimentos e se estão realizados de forma correta.

Depois de seguir todas essas dicas, será muito mais fácil plantar o seu milho com adubo de maneira correta.


Como fazer muda de milho

É bem simples fazer muda de milho, basta ter a mãos copinhos feitos de jornal e assistir ao tutorial abaixo retirado youtube:

Esse processo tem a vantagem de ser sustentável e bem econômico.

Como plantar milho para gato

Os gatos gostam muito de comer a grama do milho. Uma das vantagens do consumo dessa plantinha é que ajuda na eliminação das bolas de pelos, além de auxiliar o funcionamento do intestino. Para plantar o milho para o gato, você precisará de:

  • Um pote, vaso ou jardineira (caso você tenha mais de um gato, recomendamos o uso da jardineira);
  • Compre terra e adubo de qualidade;
  • Adquira milho de pipoca, desses que usamos para fazer na panela;

Vamos plantar? Siga esse passo a passo:

  1. Coloque a terra na jardineira e misture com o adubo. Procure deixar aproximadamente três dedos da borda sem terra;
  2. Salpique o milho em todo o pote e evite que os caroços fiquem muito próximos;
  3. Cubra todas as sementes com terra. Molhe igualmente e tenha cuidado para nenhum caroço ficar descoberto;
  4. Deixe em um local que bata sol e evite que seu felino tenha acesso, porque, provavelmente ele cavará a terra;
  5. Procure molhar dias alternados. A terra não pode ficar encharcada;
  6. Por volta de três após o plantio, as raízes surgirão;
  7. Após três semanas, o pé de milho estará em um tamanho bom;
  8. Deixe a planta crescer, pelo menos, de quatro a cinco dedos;
  9. Pronto! Plantinha pronta para consumo dos peludos!

Para todos os gostos

Popular no Brasil e no mundo, o milho é um vegetal versátil e pode ser usado para diversos fins. Além disso, barato e fácil, com um pouco de paciência e cuidado, seguindo as dicas informadas acima, você terá êxito em plantar milho.

Você achou esses truques úteis? Deixe nos comentários abaixo, para sabermos mais!