Como cuidar de bonsai: um guia essencial com dicas para seguir

Conheça os cuidados gerais ao cuidar de um bonsai: desde o transplante, adubação e regas.

Por -

Quer aprender como cuidar de bonsai? Pois bem, saiba que não é um processo simples e que é necessário vários cuidados para que a árvore cresça saudável. Por isso, separamos em nosso artigo algumas orientações importantes para quem deseja cultivar esse tipo de árvore.

Saiba escolher um bonsai

Existem algumas espécies de bonsai e para cuidar dele, você precisa se atentar ao clima do ambiente da região que você mora e do ambiente doméstico onde ela será cultivada, já que são fatores que influenciam no crescimento delas. Dê preferência às espécies nativas do hemisfério ocidental. Confira algumas considerações:

  • Espécies de vegetais com folhas caducas como os olmos chineses ou japoneses, magnólias, e carvalhos são excelente opções. Somente tome cuidado ao tamanho máximo escolhido para realmente achar em sua região;
  • As árvores coníferas, como zimbros, pinheiros, abetos ou cedros, também são boas opções para quem preferir cultivá-las;
  • Agora se a intenção é cuidar de uma bonsai dentro de casa ou se você vive em um clima quente, o ideal é uma espécie tropical. Algumas espécies de oliveiras são ideais para serem cultivadas como bonsai nessa condição.

Decida como a plantará a árvore de bonsai

Escolha a planta ideal

Algumas pessoas preferem optar em plantar uma árvore bonsai a partir da sua semente. Pode ser um processo bem lento, mas acaba sendo gratificante e recompensador quando você vê o resultado.

Se essa é a sua ideia, você precisa ter paciência para vê-la criar raízes e crescer bem forte para então começar a podá-la. Entretanto, dependendo da espécie, isso pode demorar até de 5 anos.

Para muitos essa espera vale muito a pena, visto que o custo com as sementes é baixo e você poderá podar a árvore em cada etapa do seu crescimento. Porém, para plantar uma semente bonsai são necessários alguns cuidados:

  • Compre um pacote de sementes de árvores bonsai. Antes de plantá-las em solo com boa drenagem e composição de nutrientes, deixe-as em banho maria durante a noite;
  • Tenha uma terra de qualidade para cultivar esta espécie de árvore;
  • Plante-a em um “recipiente de crescimento”. Evite o recipiente de cerâmica, que é normalmente usado apenas quando a árvore tiver atingido a maturidade;
  • Dê à semente plantada uma quantidade correta de água, sol e temperatura amena constante, já que é mais uma exigência desse gênero de planta;
  • Deixe a árvore tornar-se resistente e firme antes de começar a “treiná-la”.

Procure por uma muda de bonsai

Muda de bonsai

Agora o próximo passo é escolher uma boa muda de bonsai. Procure uma muda com muito cuidado, uma vez que cuidar de uma bonsai que você encontra na natureza vai exigir de você muita habilidade e conhecimento. Portanto, na hora que for coletar sua muda, considere os seguintes fatores:

  • Escolha uma árvore com um tronco robusto, mas que ainda seja bastante jovem, pois as árvores mais velhinhas não vão se adaptar bem em um recipiente;
  • Escolha uma árvore com raízes que se espalhem de maneira uniforme, em todas as direções, em vez de crescerem lateralmente ou emaranhadas com raízes de outras árvores;
  • Cave em torno da árvore e extraia o solo juntamente com as raízes, visto que Isso impedirá que a árvore morra de choque térmico quando for movida para o recipiente;
  • Plante a árvore em um “recipiente de treinamento” e cuide para que isso seja feito de acordo com as necessidades particulares da espécie que você cultivará;
  • Espere cerca de um ano para que as raízes da árvore se acostumem com o novo recipiente antes de começar a “treiná-la”.

Compre uma muda que já tenha sido podada

Poda de bonsai

Se você quer facilidade na hora de se iniciar no universo da arte do bonsai e não tem preocupação com valores, comprar uma muda que já tenha sido podada é a melhor solução.
Quando você encontra bonsais que já foram cultivados a partir de pequenas sementes e que por isso já receberam treinamento, atenção e cuidado, acabam sendo mais caros do que se você escolher uma muda que ainda não passou por todo esse processo.

Para encontrar uma muda desse tipo, tente procurar na internet ou em viveiros locais e lojas de plantas que estejam perto de você. Porém, siga algumas orientações:

  • Fale com o jardineiro que cuidou da árvore acerca das necessidades específicas da espécie cultivada;
  • Quando você levar o bonsai para casa, dê algumas semanas para se adaptar ao novo ambiente antes de começar a trabalhar com ele.

Transplante de bonsai

Você precisa entender como se faz o transplante regular para evitar que uma árvore de bonsai seja expulsa do vaso e chegue a morrer. Lembrando que o transplante de bonsai não vai mantê-lo pequeno, mas irá suprir a árvore com novos nutrientes que ela precisa para se desenvolver e florescer.

Saiba qual a frequência para transplantar o bonsai

  1. Árvores de crescimento rápido precisam ser transplantadas de dois em dois anos (algumas vezes até a cada ano);
  2. As árvores mais velhas e mais maduras devem ser transplantadas a cada 3 a 5 anos;
  3. Verifique a árvore a cada primavera, removendo cuidadosamente a árvore do vaso;
  4. Um bonsai precisa ser transplantado quando as raízes formam um círculo em torno do sistema radicular;
  5. Quando as raízes ainda estiverem contidas no solo, espere mais um ano antes de verificar novamente.

Entenda quando o bonsai deve ser transplantado

  • Deve ser feito durante o início da primavera, quando a árvore ainda está em dormência;
  • Como a árvore ainda não tem como suportar uma folhagem adulta, o processo é válido;
  • Além disso, garante que o dano, causado ao sistema radicular será reparado logo, quando a árvore começar a crescer.

Faça a mistura de solo para bonsai

  1. Deve ser drenante o suficiente para impedir que as raízes apodreçam, enquanto absorve água o suficiente para abastecer a árvore com água;
  2. Misture Akadama, pedra-pomes e rocha de lava em uma proporção de 2:1:1;
  3. Quando você não tiver tempo para regar suas árvores regularmente, escolha uma mistura que absorva mais a água (use mais Akadama, ou mesmo terra para plantas);
  4. Você deve escolher uma mistura mais drenante (use mais rocha de lava) se estiver morando em um lugar de clima úmido.

Escolha o vaso adequado para o bonsai

  • Escolha um vaso em que o seu bonsai se encaixe, observando o tamanho e estilo.

Transplantando bonsai passo a passo

  1. Verifique se você tem as ferramentas certas para transplantar sua árvore: um ancinho de raiz, tesouras, cortador de arame e um pauzinho chinês;
  2. Muitas vezes, os bonsais são ancorados ao vaso em que são plantados: nesse caso, corte o arame;
  3. Remova a árvore com cuidado do seu vaso, usando um ancinho de raiz;
  4. Podemos agora avaliar se o transplante é necessário: neste caso, é, uma vez que as raízes estão circulando em torno do interior do vaso;
  5. Usando um pauzinho chinês, começamos a remover o solo velho, iniciando nas laterais e na parte inferior da árvore. Tente evitar danificar as raízes no processo. Quando transplantar pinheiros, deixe pelo menos metade da massa de raízes intocada para proteger o fungo micorriza, que é essencial para a sobrevivência da árvore;
  6. Com uma tesoura, corte as raízes que cresceram ficando muito longas. Na poda, não corte mais do que 30% do total das raízes;
  7. Neste caso, transplantamos a árvore para o mesmo vaso. Preparamos o vaso cobrindo os furos de drenagem com tela;
  8. As telas são mantidas no lugar com um pedaço de arame;
  9. Nós também colocamos um arame adicional, que vamos usar para estabilizar e ancorar a árvore no vaso mais tarde;
  10. Adicione uma fina camada de solo de grãos pesados primeiro, como a rocha de lava, a areia ou o akadama, que serve como uma camada de drenagem;
  11. Em seguida, adicione uma outra camada fina de solo de Bonsai;
  12. Coloque a árvore no seu vaso. Nós usamos os arames colocados anteriormente para manter a árvore na posição;
  13. Adicione solo de Bonsai ao redor da árvore;
  14. Use o seu pauzinho chinês para trabalhar o solo ao redor das raízes, certificando-se de preencher todos os bolsões de ar em todo o sistema radicular;
  15. Finalmente, regamos a árvore completamente;
  16. Este é o visual da árvore duas semanas depois do transplante.

Adubação de bonsai

Vaso com bonsai

Para o seu bonsai sobreviver é necessário alimentá-lo corretamente durante a estação de crescimento. Como são plantados em vasos pequenos, precisam ser adubados para repor o conteúdo nutricional do solo.

Conheça os componentes básicos dos adubos

  • O adubo é composto de 3 elementos: nitrogênio (N), fósforo (P) e potássio (K), sendo que cada elemento atende diferente finalidades;
  • O nitrogênio aumenta aumenta o crescimento das folhas e caules;
  • O fósforo estimula o crescimento saudável da raiz;
  • O potássio estimula o crescimento de frutos e flores.

Entenda quando adubar o bonsai

  • Adube durante toda a estação de crescimento da árvore que deve ser do início da primavera até meados do outono;
  • As árvores de interior podem ser adubadas ao longo do ano;
  • Embora às vezes contestado, não adube árvores transplantadas por cerca de um mês;
  • Não adube árvores doentes.

Saiba escolher o adubo correto

  • Durante a época de início da primavera, use um adubo com um teor de nitrogênio relativamente alto (algo como NPK 12:6:6) para impulsionar o crescimento da árvore;
  • Durante o verão, use um adubo mais equilibrado (como NPK 10:10:10);
  • No outono, use um adubo para endurecer a árvore para o próximo inverno (como NPK 3:10:10);
  • Para estimular o bonsai a florescer, use um adubo com alto teor de potássio (K) (como NPK 6:6:12);
  • Para árvores mais antigas, você pode usar adubo com teor de nitrogênio (N) um pouco mais baixo ou reduzir a quantidade de adubo aplicado;
  • Você pode optar por usar adubo líquido ou sólido, o que não importa muito, basta seguir as orientações de aplicação como indicado na embalagem do produto.

Alimente as árvores

  • Alimente o seu bonsai usando as quantidades e a frequência como indicado na embalagem do adubo;
  • Você pode reduzir levemente a quantidade recomendada para árvores que não estão mais em treinamento, para balancear o seu crescimento, em vez de estimulá-lo;
  • Quando usar adubo sólido, ajuda usar os porta-adubo, que garantem que o adubo permaneça no local;
  • Nunca alimente em excesso suas árvores, pois isso vai ter consequências graves para a saúde delas.

Adubando bonsai passo a passo

  1. Escolha a árvore que quer adubar;
  2. Quando usamos adubo sólido e orgânico, preferimos o Biogold, o Aoki e o Tamahi. Mas você pode selecionar outras marcas, é claro!
  3. Coloque o adubo em copos/cestas, para se certificar de que ele não seja levado pela água, durante a rega, ou seja comido por pássaros;
  4. Os copos são colocados, então, sobre a superfície do solo;
  5. Neste tamanho de árvore e vaso, colocamos três cestas cheias de adubo Biogold;
  6. No entanto, podemos também optar por alimentar a árvore com um adubo líquido;
  7. Esta é uma marca japonesa de adubo líquido, mas sinta-se livre para escolher outra marca;
  8. Leia as instruções do adubo para saber com que frequência e em que quantidades deve aplicar o adubo de Bonsai;
  9. O adubo líquido é aplicado durante a rega de sua árvore.

Rega de bonsai

Rega de bonsai

Regar é o parte mais importante na hora de cuidar de uma árvore bonsai. Entretanto, a sua frequência dependerá de alguns fatores como as espécies e o tamanho das árvores, o tamanho do vaso, a época do ano, a mistura do solo e o clima. Por isso, é impossível determinar quantas vezes você deve regar o bonsai.

Saiba qual a frequência com que o bonsai deve ser regado

  • Regue suas árvores quando o solo ficar um pouco seco;
  • Você não deve regar sua árvore quando o solo ainda estiver molhado, mas apenas quando senti-lo um pouco seco;
  • Use seus dedos para verificar o solo em cerca de um centímetro de profundidade;
  • Depois que ficar mais experiente, você será capaz de ver (ao invés de sentir) quando uma árvore precisa de rega;
  • Nunca regue numa rotina;
  • Mantenha a observação de suas árvores individualmente, ao invés de regá-las numa rotina diária, até que você saiba exatamente o que está fazendo.

Use a mistura de solo correta

  • Para a maioria das árvores de Bonsai, uma mistura de Akadama, cascalho fino e adubo para plantas misturados em uma proporção de ½ para ¼ para ¼ deve ser excelente;
  • No entanto, use uma mistura que retenha mais água (usando mais adubo para plantas) quando você não pode molhar suas árvores assim regularmente.

Entenda quando o bonsai deve ser regado

  • Não importa a que horas você rega um Bonsai;
  • Apenas tente evitar a rega durante a tarde, quando o solo foi aquecido pelo sol e vai esfriar rapidamente ao usar água fria.

Aprenda como regar as árvores de bonsai

  1. Regue quando o solo ficar ligeiramente seco. Porém, quando a árvore necessitar de água, ela precisa de imersão completa, para que todo o sistema radicular seja molhado;
  2. Mantenha a rega até que a água corra para fora dos furos de drenagem e, possivelmente, repita o processo poucos minutos depois;
  3. Regue a árvore a partir de cima usando um regador com bico fino, já que isto impedirá que o solo seja arrastado;
  4. O uso de água coletada da chuva é melhor (uma vez que ela não contém produtos químicos adicionados), mas quando isto não estiver prontamente disponível, não há nenhum problema na utilização de água normal da torneira.

Agora que você já sabe como cuidar de bonsai, que tal começar a cultivá-lo em sua residência? A experiência é única e para muitos o processo até se transformou em terapia, já que é preciso muita paciência, amor e carinho para cuidar de uma árvore bonsai.