Como economizar água: o que você pode fazer na sua casa

Por -

Economizar água é algo que ninguém deveria pensar duas vezes antes de fazer. Afinal, se trata de um bem natural muito importante para todos e sabemos que no futuro pode faltar água. Então, começar desde já é uma forma de garantir que a água potável dure por mais tempo.

Pense que, no Brasil, a água é utilizada não apenas para beber, mas também como fonte de geração de energia elétrica, através das hidrelétricas. Uma crise hídrica poderia resultar não apenas em falta de água, como em falta de luz.

Descubra agora o que você pode fazer para economizar água em sua casa:

Consumo consciente

Segundo a ONU, a recomendação de consumo diário de água é de 110 litros. No Brasil, o valor está bem acima e segundo um cálculo, os brasileiros consomem em média 154 litros de água por dia.

Se toda a população conseguisse reduzir para a média recomendada da ONU, seria possível economizar até 3,3 trilhões de litros por ano. Então, agora que você já sabe qual é a média diária recomendada, é hora de fazer sua parte.

Maneiras de economizar água em casa

Conheça algumas maneiras de economizar água em sua casa, reduzir o valor da sua conta e ainda contribuir com o meio ambiente:

Banheiro

Como economizar água

No banheiro você pode cuidar de três coisas:

Gasto de água ao escovar os dentes

Ao invés de deixar a torneira aberta, utilize um copo para enxaguar a pasta de dente da boca e abra a torneira apenas para molhar a escova de dente.

Gasto de água no vaso sanitário

O vaso sanitário também pode ser um vilão quando falamos em gastar água. Se puder, aposte nos modelos que possuem reservatório de água, que elimina uma quantidade certa a cada descarga.

Caso tenha os modelos tradicionais, experimente não segurar o botão da descarga por muito tempo.

Gasto de água no chuveiro

Os banhos precisam ser menos demorados, não importa se a ideia é lavar o cabelo ou apenas tomar um banho no corpo. O ideal é que não ultrapassem os 15 minutos. Para economizar ainda mais, experimente desligar o registro enquanto se ensaboa ou se depila.

O mesmo vale em relação a lavagem dos cabelos. Molhe-os, desligue o chuveiro, aplique o shampoo e esfregue. Volte a ligar o chuveiro para realizar o enxague.

Cozinha

Como economizar água cozinha

Na cozinha o gasto de água ocorre na pia e você pode reverter isso quando for lavar a louça. Ao invés de manter a torneira aberta desde o início da lavagem, primeiro ensaboe tudo – ou o máximo de coisas que conseguir colocar no espaço do lado da pia – e enxague tudo de uma vez só.

Assim que terminar, feche a torneira. Uma dica que pode facilitar a tarefa é colocar toda a louça que você já esfregou com detergente em uma bacia, assim consegue lavar todas as peças e enxaguar junto.

Além disso, para deixar a cozinha mais limpa, experimente adotar o famoso “usou – lavou”. Assim que terminar de utilizar uma xícara, por exemplo, já a esfregue com a esponja e enxague. Encontrou outras louças na pia? Aproveite para lavar tudo.

Se possível, evite usar a lava-louças, principalmente se for para lavar poucas coisas. Se você tem o eletrodoméstico em casa, utilize para refeições maiores, em que terá várias coisas para lavar e vai garantir a lavadora cheia.

Área de serviço

Area de serviço

Na área de serviço existem duas coisas com as quais você precisa se preocupar:

Máquina de lavar

Se você tem máquina de lavar roupas ou tanquinho em casa, lembre-se de sempre utilizar a capacidade máxima do eletrodoméstico. Junte uma boa quantidade de roupas antes de lavar e sempre feche a torneira de água, assim que notar que a máquina terminou o ciclo de lavagem e está apenas centrifugando.

Cuide também para que a torneira que está ligada a máquina não esteja com problemas de vazamento, para que você não perca água.

Outra dica é, caso precise lavar menos roupa, utilize o botão “meio ciclo”, que precisa de menos água para realizar a lavagem.

Tanque

O tanque também está presente na área de serviços e pode ser um desperdiçador de água. Certifique-se que todas as torneiras estão em perfeito funcionamento e caso tenha o hábito de lavar roupas à mão, encha-o com água primeiro e trabalhe com baldes e bacias.

Siga a mesma ideia que fará ao lavar a louça, junte toda a roupa, molhe e esfregue e por último enxague tudo junto.

Jardim e piscina

Jardim e piscina

Jardim e piscina podem ser outros espaços da casa que gastam água. Talvez você se pergunte: A piscina, mas como? Simples, se você tiver que ficar esvaziando a todo momento para limpar, seu consumo de água será enorme.

Piscina

Se você tem piscina em casa, seja aquelas desmontáveis ou as fixas procure manter a água sempre limpa e pronta para uso. Para isso, utilize cloro e produtos de limpeza, remova sujeiras com a ajuda da peneira e do aspirador.

No inverno e em épocas que a piscina não é utilizada – isso é válido até para a noite, após um dia muito quente – cubra o espaço com uma capa. Assim a água vai durar por muito mais tempo. Essa dica é útil até para uma piscina plástica.

Jardim

Regar o jardim é uma tarefa que não precisa de mangueira. Apesar de ser mais fácil utilizar este objeto, prefira molhar as plantas usando um regador, um borrifador e até um pequeno balde.

Você evita encharcar as plantas – e muitas delas não sobrevivem quando recebem muita água – e ainda economiza. Outra dica legal é manter a maior parte das plantas do jardim exposta à chuva. Assim, você só precisa se preocupar com a rega nos períodos não chuvosos.

Calçadas e carro

Lavar a calçada e o carro pode ser um motivo para você estar gastando mais água do que deveria. A maioria das pessoas opta pelo mais prático, as famosas lavadoras de alta pressão ou a própria mangueira.

Calçadas

Para limpar as calçadas da casa, mantenha o hábito de varrer com certa frequência, assim evita sujeiras mais difíceis de limpar. Quando for necessário lavar, aproveite um dia de chuva. Jogue um pouco de sabão, vista uma capa de chuva e limpe a calçada.

Se preferir, outra opção é usar baldes no lugar da mangueira. E se você está pensando em desmontar a piscina plástica de 1.000 litros – ou mais – das crianças, reutilize a água que está ali para enxaguar suas calçadas.

Carro

Para lavar o carro, aproveite também a ideia de usar baldes no lugar da mangueira. Encha-os conforme precisar molhar ou enxaguar o veículo. Esfregue todo o carro primeiro e só depois comece o enxague, para remover o excesso de sabão.

Use baldes de vários tamanhos para facilitar o trabalho e aproveite a mangueira apenas para enchê-los mais rapidamente com água.

Dicas extras para economizar água

Algumas dicas extras que você deve levar em conta:

Coletar água da chuva

A água da chuva pode ser reutilizada em algumas partes da casa. Serve para lavar as calçadas e até para jogar no vaso sanitário. Sempre que possível experimente coletar um pouco de chuva, pode ser com baldes mesmo.

Se puder investir um pouco mais, que tal um sistema de captação de água da chuva instalado na casa? Automaticamente ele direciona essa água para locais como o vaso sanitário.

Conserto de vazamentos

Vazamentos podem ser grandes vilões para o gasto excessivo de água. O ideal é resolvê-los o quanto antes. Se você notar algum cano ou torneira quebrada, realize a troca e até que isso possa ser feito mantenha o registro desligado.

Quando o vazamento é no registro de água, lembre-se de avisar a empresa de saneamento da sua cidade, que será a responsável por realizar o conserto.

Cuide da sua caixa d’água

Caixa d’água também precisa de manutenção. Cuide para que esteja localizado em local arejado e fresco, de forma a evitar a evaporação da água. Também se lembre de manter o reservatório coberto. Além de evitar o mosquito da dengue, você mantém a qualidade da água e evita que evapore.

Por último, verifique se a boia da caixa d’água está funcionando corretamente, de forma a evitar vazamentos e até picos de enchimento. O ideal é que o reservatório seja aproveitado em sua capacidade máxima.

Prefira o chuveiro elétrico

Chuveiros a gás demoram mais para esquentar a água, com isso você perde alguns litros até efetivamente entrar no banho. Prefira ter um chuveiro elétrico ou, caso seu chuveiro a gás demore um pouco para esquentar, mantenha um balde no banheiro para coletar a água fria e aproveitar em outra parte da casa.

Pense que um banho de 15 minutos usando um chuveiro elétrico consome 45 litros, por outro lado, se apostar nos modelos a gás, o gasto pode chegar a até 135 litros.

Agora você já sabe o que pode fazer em sua casa para diminuir o consumo de água, reduzir o valor da sua conta e ainda contribuir com o meio ambiente.