Torneira pingando? Veja aqui como consertar e evitar que ela fique assim

Por -

Você sabia que uma torneira pingando pode consumir em um único dia cerca de 40 litros de água? Por ano, são quase 10 mil litros de água sendo jogada, literalmente, pelo ralo.

E não é só água que está indo pelo ralo não, o seu dinheiro também. Já que esse tipo de problema pode aumentar consideravelmente o valor da sua conta de água por mês.

Isso ainda sem contar o grande desperdício e prejuízo ambiental, afinal, a água é um recurso valioso, finito e que deve ser preservado.

Por isso, se você está aí, com uma torneira pingando na sua frente nesse exato momento, respire fundo, mantenha a calma e leia esse post até o fim.

Vamos te contar como consertar torneira pingado, além de te dar mais algumas dicas fundamentais. Confira:

Porque a torneira fica pingando?

Veja a seguir alguns dos motivos mais comuns de torneira pingando:

Manutenção

A falta de manutenção e cuidados é um dos principais motivos de uma torneira pingando. De tempos em tempos é importante fazer uma revisão geral em toda casa para evitar problemas e isso inclui todo o sistema hidráulico.

No caso das torneiras é recomendado fazer a troca do vedante após cinco anos de uso, em média, desde que sejam usados materiais de boa qualidade.

Pressão e força

Outro vilão das torneiras é o uso inadequado. Se você é do tipo que faz muita força ou coloca muita pressão no fechamento da água, então já fique sabendo que é um forte candidato a sofrer com torneiras pingando.

A pressão da água também pode provocar esse tipo de vazamento, especialmente se a torneira utilizada não seja adequada para o fluxo de água no local.

Por isso é sempre importante comprar uma torneira que atenda o local onde será utilizada.

Borrachinha gasta

O motivo campeão do pinga-pinga na torneira é a borrachinha gasta ou, se preferir, o vedante. Essa pequena e fundamental peça tem a função de impedir a saída de água quando o registro está fechado.

Mas se ela estiver muito gasta, seja pelo excesso de força e pressão, seja pela falta de manutenção, a água encontra saída e aí você já sabe: a torneira começa a pingar.

Fita branca

No entanto, se você observar que a pingadeira se encontra na base da torneira, o motivo principal, nesse caso, pode ser a falta de fita veda rosca para segurar a água. Aproveite e coloque um pouco mais de força para certificar que a torneira está bem encaixada.

Tubos e conexões

E quando o vazamento vem da parede ou da bancada? Aqui, o problema pode estar na tubulação de água. A dica então é procurar um encanador, já que muito provavelmente o conserto vai envolver quebradeira, infelizmente.

Como consertar torneira pingando

Como consertar torneira pingando

A primeira coisa que você deve fazer para consertar uma torneira pingando é observar.

Repare por onde a água está saindo e se o vazamento ocorre apenas com o registro aberto ou com o registro fechado também.

Faça esse diagnostico para saber o procedimento de reparo mais adequado.

A seguir, trouxemos um passo a passo explicado para que você possa consertar a torneira pingando em caso de borracha gasta.

Mas antes de arregaçar as mangas faça duas coisas importantes: primeiro, feche o registro de água local (geralmente encontrado na parte superior da parede), caso não o encontre feche o registro geral, aquele que fica na parte de fora da casa.

Em seguida, avise o pessoal da casa para ninguém abrir as torneiras, o chuveiro ou dar descarga. Isso evita a entrada de ar na tubulação e, consequentemente, um novo problema para você resolver.

Por fim, separe as ferramentas necessárias para o reparo. Na maior parte das vezes, basta ter em mãos um alicate, um grifo hidráulico, a borracha de vedação nova e um rolo de fita branca veda rosca, caso seja necessário.

Torneira pingando comum

Para consertar uma torneira pingando dos modelos comuns, comece retirando a torneira da pia e desmontando-a.

O procedimento de montagem e desmontagem da torneira varia de acordo com o modelo e a marca fabricante.

Na dúvida, busque pelo manual (disponível na internet também).

Após remover a torneira, retire o pino protetor com cuidado para não danificar a peça.

Com o alicate remova o reparo (borrachinha) localizado na parte branca da peça.

Pegue o repare novo e encaixe no lugar, fazendo a substituição.

Monte a torneira e instale-a novamente.

Abra o registro e faça o teste para ver se a torneira parou de pingar.

Caso o problema continue, chame um profissional que possa te ajudar a entender de onde está vindo o vazamento. 

Torneira pingando ¼

A torneira ¼ é aquela onde a abertura é feita lateralmente e não acontece por completo. Esse tipo de torneira geralmente também é instalada diretamente sobre bancadas de pia de banheiro e cozinha.

Para fazer o reparo desse tipo de torneira, o procedimento é o mesmo que o anterior. Ou seja, é necessário remover e desmontar a torneira até encontrar a vedação.

A diferença está apenas no momento de fazer a substituição do reparo. Em alguns casos pode ser que apenas uma limpeza no reparo já seja suficiente para acabar com a pingadeira. Repare se a peça ou a área ao redor estão sujas. Caso estejam, faça a limpeza e verifique se o problema foi solucionado.

Mas se ainda estiver vazando, então será necessário fazer a troca do reparo. Em alguns modelos de torneira ¼, o reparo está posicionado atrás de uma peça plástica. Portanto, é importante primeiro remover essa peça para só depois alcançar a vedação.

Feito isso, verifique o tipo de reparo utilizado na sua torneira. As torneiras ¼ possuem vedação feitas de cerâmica ou metal. Leve esse reparo em uma loja de construção para saber exatamente o tipo de reparo que precisa comprar.

Como evitar que a torneira fique pingando

Como evitar que a torneira fique pingando

Depois de resolver o problema, muito provavelmente você não vai querer que ele volte, não é mesmo? Por isso, trouxemos algumas dicas para te ajudar a manter sua torneira funcionando direitinho, olha só:

Invista em qualidade

Existe no mercado atualmente uma série de modelos de torneiras diferentes, assim como acessórios e demais componentes hidráulicos necessários para o bom funcionamento de uma pia.

E com toda essa variedade é natural também que exista uma grande opção de preços de materiais. O valor nem sempre está associado a qualidade do produto, mas dá algumas pistas.

Por isso é importante pesquisar bem antes de fazer a compra, assim você investe em um material de qualidade e corre menos risco de sofrer prejuízos no futuro.

Ao contrário do que muita gente pode imaginar, é possível sim conciliar qualidade com preço, levando em consideração o custo-benefício do produto que se deseja comprar.

Na dúvida, lembre-se sempre: “o barato pode sair caro”.

Use a torneira corretamente

Trate a sua torneira com carinho. Não force e nem pressione demais o fechamento. Isso faz com que o reparo se desgaste mais rápido e, consequentemente, a torneira comece a pingar e vazar.

Faça manutenções

As manutenções também são importantes, tanto na torneira, quanto nas tubulações da casa, especialmente em casas mais antigas onde os canos não são trocados há muito tempo.

Portanto, providencie manutenções periódicas na sua casa e evite ser pego de surpresa.