Jiboia: como cuidar e usar na decoração com ideias e fotos

Por -

Uma passada rápida pelos perfis de decoração do Instagram e já é possível dar de cara com ela: a jiboia. Sim, essa plantinha do tipo trepadeira voltou a fazer sucesso nas propostas de interiores e pelo jeito tem de tudo para se manter no topo da fama (você vai entender o porquê nesse post).

A jiboia é uma planta do gênero Epipremnum que concentra ao todo oito espécies diferentes de jiboias sendo a mais popular e conhecida delas a Epipremnum pinnatum, aquela de folhas verdes com rajadas de branco. Originária das Ilhas Salamão, a Jiboia se adaptou muito bem ao clima úmido e quente do Brasil.

Fácil de cuidar e com diversas possibilidades decorativas, a Jiboia faz jus ao sucesso que tem recebido nas casas e nas redes sociais. E você, que tal parar de ficar só olhando e levar de uma vez por todas essa planta tropical para sua casa também? Então confira abaixo tudo o que você precisa saber para cuidar dela direitinho, além é claro de dicas e sugestões incríveis de como usá-la na decoração. Vem ver:

Como cuidar da jiboia

A jiboia é uma planta muito fácil de cuidar, ideal para quem não tem muito tempo disponível para jardinagem. A principal atenção com a planta deve ser no quesito luminosidade.

Evite colocar a planta em locais que recebam luz solar direta, a jiboia prefere viver a meia sombra, apenas com a iluminação natural. O melhor local para ela é próximo a janelas e portas.

Não regue a jiboia todos os dias. A planta não suporta solos encharcados, apesar de gostar de umidade. O recomendado é realizar a rega três vezes por semana ou quando notar o solo seco. Já no inverno, o espaço entre as regas deve ser maior, pois a planta entra em uma espécie de hibernação, consumindo menos água e nutrientes.

A poda é importante para manter a jiboia sempre bonita. Corte o excesso de folhas, especialmente aquelas que se apresentam amareladas e secas. Com a poda você também controla o crescimento da planta, deixando-o do tamanho que desejar.

A jiboia é tóxica, por essa razão mantenha-a em local seguro e distante de crianças e animais domésticos.

Bem cuidada e no local apropriado a jiboia pode crescer até doze metros, espalhando suas folhas e ramos pela casa.

Como plantar jiboia – na terra ou na água

A jiboia pode ser cultivada tanto na água, quanto na terra se desenvolvendo bem em ambos os ambientes. Para fazer mudas de jiboia corte um galho da planta onde é possível notar a ramificação das raízes e aguarde 24 horas antes de realizar o plantio.

Para plantar a jiboia na terra prepare um vaso com substrato rico em matéria orgânica, já para o cultivo em água basta colocar o ramo em um recipiente de tamanho adequado e completar com água limpa. Dentro de algumas semanas já será possível notar o crescimento da planta. Se desejar, após a jiboia criar raízes pode mudá-la para um vaso com terra.

Curiosidades sobre a jiboia

Há muitas lendas, mitos e histórias que cercam a planta jiboia. A principal e mais conhecida delas vem do Feng Shui. A técnica milenar chinesa de harmonização de ambientes recomenda o cultivo da jiboia dentro de casa apenas se ela for direcionada para cima. Os orientais acreditam que plantas de galhos pendentes minam a energia do ambiente.

Já no Norte e Nordeste do Brasil reza a lenda de que o espírito de uma cobra habita a planta – daí o nome jiboia – tornando-a uma espécie de guardiã da casa. Outra crendice diz que moças solteiras não conseguirão namorar ou casar se cultivarem jiboias dentro de casa, já que a planta teria o poder de afastar os pretendentes.

E, por fim, acredita-se que a jiboia pode pressentir a morte dos moradores da casa. Quando alguém que habita a residência está prestes a morrer a planta passa a verter “lágrimas” e suas folhas ficam cobertas por gotículas de água, semelhantes ao orvalho.

Preço e onde comprar a jiboia

A jiboia é uma planta muito fácil de ser encontrada e muito provavelmente você nem precisará comprá-la, pode pedir uma muda para sua vó, mãe ou sogra.

Mas se você não conhece ninguém que cultiva a planta pode comprá-la em Garden Centers e até mesmo em grandes redes de lojas de materiais de construção ou hipermercados. O preço é a melhor parte. Um vaso de jiboia no tamanho ideal para decorar a casa custa em média entre R$ 20 a R$ 30.

Como usar a jiboia na decoração

A jiboia é uma planta que permite diversas possibilidades de uso na decoração. Para começar, você pode optar por deixá-la em um vaso para decorar centros de mesa e outras superfícies planas, mas mantendo sempre o cuidado de controlar o seu crescimento.

Outra opção é criar um jardim vertical com a planta, apoiando-a em treliças ou estruturas feitas com paletes, por exemplo. Nesse caso é interessante direcionar e moldar o crescimento da planta para o local desejado, formando desenhos e formas criativas.

Mas o modo mais utilizado atualmente para cultivar a jiboia dentro de casa é colocando-a em um lugar alto e de destaque no ambiente. Desse modo, a planta revela toda sua beleza ao criar uma cascata verde com seus ramos que pendem até o chão.

Agora, caso você fique meio grilado com a possibilidade da jiboia drenar as energias da casa, como o Feng Shui acredita, é possível cultivá-la em um vaso no chão e direcionar o crescimento para cima, apoiando-a na parede ou em suportes de fibra de coco.

Cheia de beleza, vida e histórias mágicas, a jiboia é uma planta que merece um espacinho dentro de casa. Por isso te convidamos a apreciar as fotos abaixo de ambientes que apostaram no efeito acolhedor e aconchegante da jiboia na decoração. Dê uma chance para ela também!

Imagem 1 – O escritório branco apostou no verde intenso das folhas da jiboia para criar contraste e trazer vida e alegria ao ambiente.

O escritório branco apostou no verde intenso das folhas da jiboia para criar contraste e trazer vida e alegria ao ambiente

Imagem 2 – Coloque a jiboia no chão e direcione o crescimento dos ramos com um suporte de parede.

Coloque a jiboia no chão e direcione o crescimento dos ramos com um suporte de parede

Imagem 3 – Ou ainda você pode optar por uma estrutura aérea para a jiboia se apoiar; uma ótima solução para espaços pequenos.

Ou ainda você pode optar por uma estrutura aérea para a jiboia se apoiar; uma ótima solução para espaços pequenos

Imagem 4 – Cantinho verde da casa conta com mix de plantas, entre elas a jiboia que cresce de modo pendente, as espadas de são Jorge e os chifres de veado.

Cantinho verde da casa conta com mix de plantas, entre elas a jiboia que cresce de modo pendente, as espadas de são Jorge e os chifres de veado

Imagem 5 – Espalhe jardins verticais de jiboias pelo ambiente.

Espalhe jardins verticais de jiboias pelo ambiente

Imagem 6 – A prateleira alta da cozinha é o lugar ideal para a jiboia aparecer e crescer linda e verde.

A prateleira alta da cozinha é o lugar ideal para a jiboia aparecer e crescer linda e verde

Imagem 7 – Deixe a jiboia tocar o chão e faça a poda quando achar que o tamanho dos ramos já é suficiente.

Deixe a jiboia tocar o chão e faça a poda quando achar que o tamanho dos ramos já é suficiente

Imagem 8 – Pendente de um lado, trepadeira de outro; duas formas de usar a jiboia ao mesmo tempo.

Pendente de um lado, trepadeira de outro; duas formas de usar a jiboia ao mesmo tempo

Imagem 9 – Controle o crescimento da jiboia cortando regularmente os ramos.

Controle o crescimento da jiboia cortando regularmente os ramos

Imagem 10 – A escada iluminada é o refúgio perfeito para essa jiboia pendente.

A escada iluminada é o refúgio perfeito para essa jiboia pendente

Imagem 11 – Aqui, as jiboias formam uma cortina que bloqueia parcialmente a entrada da luz.

Aqui, as jiboias formam uma cortina que bloqueia parcialmente a entrada da luz

Imagem 12 – A umidade do banheiro é ideal para o cultivo das jiboias, atente-se apenas de garantir a luminosidade adequada para a planta nesse ambiente.

A umidade do banheiro é ideal para o cultivo das jiboias, atente-se apenas de garantir a luminosidade adequada para a planta nesse ambiente

Imagem 13 – Quanto mais alta a prateleira, mais a jiboia se exibe.

Quanto mais alta a prateleira, mais a jiboia se exibe

Imagem 14 – Aqui nessa cozinha a jiboia cresce entre temperos, pratos e utensílios.

Aqui nessa cozinha a jiboia cresce entre temperos, pratos e utensílios

Imagem 15 – Só alegria essa jiboia estrategicamente posicionada na frente da porta recebendo toda a luz natural que invade a sala.

Só alegria essa jiboia estrategicamente posicionada na frente da porta recebendo toda a luz natural que invade a sala

Imagem 16 – As decorações de estilo escandinavo, onde o fundo branco predomina, são ideias para a jiboia, destacando-as no ambiente.

As decorações de estilo escandinavo, onde o fundo branco predomina, são ideias para a jiboia, destacando-as no ambiente

Imagem 17 – Jardim suspenso de jiboias sobre o bar: proposta moderna, mas ao mesmo tempo acolhedora e receptiva.

Jardim suspenso de jiboias sobre o bar: proposta moderna, mas ao mesmo tempo acolhedora e receptiva

Imagem 18 – Jardim suspenso de jiboias sobre o bar: proposta moderna, mas ao mesmo tempo acolhedora e receptiva.

Jardim suspenso de jiboias sobre o bar: proposta moderna, mas ao mesmo tempo acolhedora e receptiva

Imagem 19 – Faixa verde de jiboias; sem um espacinho sequer para ver a parede ao fundo.

Faixa verde de jiboias; sem um espacinho sequer para ver a parede ao fundo

Imagem 20 – Discreta, mas cumprindo seu papel decorativo.

Discreta, mas cumprindo seu papel decorativo

Imagem 21 – Quanto mais espaço você der para a jiboia mais ela cresça; aqui nesse banheiro ela já começa a invadir a área do espelho.

Quanto mais espaço você der para a jiboia mais ela cresça; aqui nesse banheiro ela já começa a invadir a área do espelho

Imagem 22 – Puro conforto esse ambiente decorado com móveis retrô e vaso de jiboia; lembra casa de vó.

Puro conforto esse ambiente decorado com móveis retrô e vaso de jiboia; lembra casa de vó

Imagem 23 – Jiboia quando nasce espalha a rama pelo chão, um trocadilho com a versão original do poema, mas que tem tudo a ver com a plantinha aqui.

Jiboia quando nasce espalha a rama pelo chão, um trocadilho com a versão original do poema, mas que tem tudo a ver com a plantinha aqui

Imagem 24 – Cactos e jiboias dividem essa estante em plena harmonia.

Cactos e jiboias dividem essa estante em plena harmonia

Imagem 25 – Corredor de jiboias: fresco, acolhedor e aconchegante.

Corredor de jiboias: fresco, acolhedor e aconchegante

Imagem 26 – Corredor de jiboias: fresco, acolhedor e aconchegante.

Corredor de jiboias: fresco, acolhedor e aconchegante

Imagem 27 – Painel verde na parede do banheiro; tudo para deixar o momento do banho mais relaxante.

Painel verde na parede do banheiro; tudo para deixar o momento do banho mais relaxante

Imagem 28 – Já aqui nesse outro banheiro, as jiboias entram na decoração suspensas pelo teto.

Já aqui nesse outro banheiro, as jiboias entram na decoração suspensas pelo teto

Imagem 29 – O vão luminoso no teto foi o lugar escolhido para manter essa jiboia; não poderia ser melhor.

O vão luminoso no teto foi o lugar escolhido para manter essa jiboia; não poderia ser melhor

Imagem 30 – A jiboia no alto é um charme, mas locais baixos, próximos ao chão, também se mostram perfeitos para a planta.

A jiboia no alto é um charme, mas locais baixos, próximos ao chão, também se mostram perfeitos para a planta

Imagem 31 – Não quer usar a jiboia no alto? Coloque-a na mesinha de centro, o resultado é igualmente encantador.

Não quer usar a jiboia no alto? Coloque-a na mesinha de centro, o resultado é igualmente encantador

Imagem 32 – O móvel de madeira combina com a rusticidade natural da jiboia.

O móvel de madeira combina com a rusticidade natural da jiboia

Imagem 33 – Só de olhar já dá para ter uma dimensão de como essa sala ficará quando a jiboia começar a espalhar seus ramos pendentes.

Só de olhar já dá para ter uma dimensão de como essa sala ficará quando a jiboia começar a espalhar seus ramos pendentes

Imagem 34 – Espertinha, essa jiboia não perdeu tempo e já começou a se esticar em direção a luz que vem da janela.

Espertinha, essa jiboia não perdeu tempo e já começou a se esticar em direção a luz que vem da janela

Imagem 35 – Nessa sala, a janela também se tornou o ponto de apoio para o crescimento da jiboia.

Nessa sala, a janela também se tornou o ponto de apoio para o crescimento da jiboia

Imagem 36 – A varanda rústica apostou na jiboia para completar a proposta de decoração.

A varanda rústica apostou na jiboia para completar a proposta de decoração

Imagem 37 – O banheiro branco é o pano de fundo ideal para as plantas revelarem sua beleza.

O banheiro branco é o pano de fundo ideal para as plantas revelarem sua beleza

Imagem 38 – Digno de admiração esse jardim suspenso de jiboias.

Digno de admiração esse jardim suspenso de jiboias

Imagem 39 – Tomando todos os cuidados necessários, em pouco tempo sua jiboia estará fazendo sucesso na decor.

Tomando todos os cuidados necessários, em pouco tempo sua jiboia estará fazendo sucesso na decor

Imagem 40 – Encontre um cantinho especial da casa para a jiboia e o restante deixe com ela.

Encontre um cantinho especial da casa para a jiboia e o restante deixe com ela

Imagem 41 – Molde a jiboia de acordo com a sua proposta de decoração.

Molde a jiboia de acordo com a sua proposta de decoração

Imagem 42 – Use e abuse dos ramos pendentes da jiboia para criar efeitos decorativos incríveis.

Use e abuse dos ramos pendentes da jiboia para criar efeitos decorativos incríveis

Imagem 43 – Sobre a banheira, as jiboias trazem conforto, descontração e vida ao ambiente.

Sobre a banheira, as jiboias trazem conforto, descontração e vida ao ambiente

Imagem 44 – Jardim vertical de plantas tropicais e é claro que a jiboia não iria ficar de fora.

Jardim vertical de plantas tropicais e é claro que a jiboia não iria ficar de fora

Imagem 45 – Decoração urban jungle e jiboias: tudo a ver!

Decoração urban jungle e jiboias: tudo a ver!

Imagem 46 – Agora se você busca uma dupla mística e cheia de boas energias aposte nessa aqui: espada de são Jorge e jiboia.

Agora se você busca uma dupla mística e cheia de boas energias aposte nessa aqui: espada de são Jorge e jiboia

Imagem 47 – Qualquer ambiente fica mais valorizado na presença de plantas.

Qualquer ambiente fica mais valorizado na presença de plantas

Imagem 48 – O apartamento de estilo boho não teve dúvidas: colocou logo uma jiboia pendente no lugar de maior destaque.

O apartamento de estilo boho não teve dúvidas: colocou logo uma jiboia pendente no lugar de maior destaque

Imagem 49 – E o que acha de usar a jiboia para fazer uma divisória de ambientes?

E o que acha de usar a jiboia para fazer uma divisória de ambientes?

Imagem 50 – Jardim suspenso com samambaias e jiboias.

Jardim suspenso com samambaias e jiboias

Imagem 51 – Muito melhor trabalhar na companhia reconfortante das plantas.

Muito melhor trabalhar na companhia reconfortante das plantas

Imagem 52 – Até no quarto das crianças a jiboia é bem vinda; cuidado apenas para mantê-la em um local alto, já que a planta é tóxica.

Até no quarto das crianças a jiboia é bem vinda; cuidado apenas para mantê-la em um local alto, já que a planta é tóxica

Imagem 53 – Receita para uma varanda charmosa e acolhedora: móveis de madeira e plantas.

Receita para uma varanda charmosa e acolhedora: móveis de madeira e plantas

Imagem 54 – E o toque final desse quarto de inspiração boho fica por conta do vaso suspenso de jiboia.

E o toque final desse quarto de inspiração boho fica por conta do vaso suspenso de jiboia

Imagem 55 – Toda a luz da janela só para ela!

Toda a luz da janela só para ela!

Imagem 56 – Intercale objetos decorativos com vasos de plantas.

Intercale objetos decorativos com vasos de plantas

Imagem 57 – O jardim de inverno, refúgio verde dessa casa, foi planejado com mini lago, balanço e, claro, muitas jiboias.

O jardim de inverno, refúgio verde dessa casa, foi planejado com mini lago, balanço e, claro, muitas jiboias

Imagem 58 – A beleza rústica do concreto aparente é reforçada pelo pequeno vaso de jiboia.

A beleza rústica do concreto aparente é reforçada pelo pequeno vaso de jiboia

Imagem 59 – Uma combinação e tanto de plantas para o corredor de acesso à cozinha; tem de tudo um pouco: folhagens, flores e pendentes, entre elas a jiboia.

Uma combinação e tanto de plantas para o corredor de acesso à cozinha; tem de tudo um pouco: folhagens, flores e pendentes, entre elas a jiboia

Imagem 60 – Impossível não aproveitar a luz natural que entra pela janela para cultivar um mini jardim vertical.

Impossível não aproveitar a luz natural que entra pela janela para cultivar um mini jardim vertical